quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Mulher independente

Estava lendo umas coisas na internet e encontrei um texto, que achei bem legal. Este revela uma dúvida que é muito atual e que preocupa algumas mulheres - o fato de ser independente e como os homens sentem frente a isso... Aqui, especificamente, trata-se de uma coluna em que as internautas enviam a sua pergunta e um homem responde. Bom, segue abaixo....

Na coluna de hoje vou responder às dúvidas de uma leitora.

Pergunta: Li uma reportagem falando que os homens se sentem inseguros ao deparar-se com uma mulher segura. O que você e os outros homens pensam da mulher atual? Ela assusta? Assusta por quê? Pela independencia financeira, sexual, moral? Gostaria de saber o que se passa na cabeça dos homens.

Andrea*




Resposta: macho de verdade não se assusta com mulher segura ou independente. Mas infelizmente há homens que se assustam, sim. Estes estão com a cabeça no passado, pois não conseguem lidar com uma mulher que tenha opinião, trabalhe, se destaque, ganhe bem… são daquele tipo que diz “mulher tem que ir pro fogão”. Isso não é ser macho, é ser ignorante.

Macho que é macho sabe valorizar uma mulher inteligente e independente, pois isso é se valorizar. Por quê? Porque mulher ignorante, ou que precisa de grana, de casa, de qualquer coisa, qualquer um pega. Porque ela não tem parâmetro de comparação, topa qualquer coisa ou até “se vende” para ter casa, contas pagas…Agora uma mulher que pense, que tenha cultura, que saiba se valorizar, que tenha um bom emprego, um bom salário é, geralmente, mais exigente. E não vai querer qualquer um ao lado dela.

Mulher independente geralmente é mais inteligente, divertida e criativa. É uma companhia mais agradável, é melhor no sexo…Tem algo mais sem graça do que mulher sem opinião? Quem gosta de ‘Noiva Cadáver” é o Tim Burton!

Concordo, sim, que o movimento feminista de algumas décadas atrás e a liberdade sexual mudaram tanto o mundo que há algumas mulheres querendo fazer papel do homem (das antigas) nas relações. Querem mandar, pagam tudo, vivem reclamando, dando bronca…isso é muito chato. A graça da história é a igualdade de condições e de poder de decisão em casa, no trabalho, na família.
Algumas fanáticas se empolgaram com a arte do feminismo e são verdadeiros sargentos, difíceis de conviver. Este tipo precisa de um frouxo do lado, daqueles paus mandados que aceitam tudo em silêncio. E existem aos montes por aí, infelizmente, para vergonha da classe macha.

Outra conseqüência ruim do movimento feminista foi o desespero pela liberdade sexual. Elas querem tanto “acabar com poder do falo” que a cada dia que passa o número de mulheres que vai para a cama na primeira noite é enorme. Até aí, tudo bem, direito delas. (Eu não reclamo, mesmo). Mas depois reclamam que o cara não liga depois e saem falando mal dele para todo mundo. Pô, a gente tenta na primeira noite. Mas elas não perceberam que, se topam, vira só sexo? Não percebem que, se querem algo a mais, precisam se valorizar um pouco?

Abs,

J.J.

* O nome da leitora foi trocado

Fonte: Site IG

Concordo com muita coisa do que foi exposto aqui.... A mulher independente assusta mesmo, especialmente aos homens com "mente fechada" ou machistas; mulher independente financeiramente é, geralmente, mais culta e segura, mas nem por isso deve deixar de lado a sua sensibilidade e delicadeza. Os avanços foram e são importantes, mas como tudo, devem ser bem dosados. Acredito que assumir determinadas posturas masculinas descaracterizam a mulher e faz com que os homens sintam receio. O movimento feminista buscou, inicialmente e de forma errônea, "tomar" o lugar dos homens, mas logo isso foi corrigido, passando-se a buscar a visibilidade e o respeito nas esferas pública e privada; porém, o que mais se vê é um exagero... mulheres vulgarizadas e com atitudes que nós (mulheres) condenávamos anteriormente nos homens, como se tivéssemos entendido a proposta de forma deturpada... Acima de tudo, deve haver um complemento entre homem e mulher, uma soma, seja ela de valores (dinheiro), cultura, sentimentos e respeito e, não o avesso disso.

2 comentários:

Inspirações disse...

Ótimo!

Um bom final de semana...

Lu.a disse...

E vivam as mulheres independentes!!! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...